Autoria: Klicyelle do Nascimento Araújo, Leonardo Soares Pereira Barros, Keyvisson Macena Bulhões da Silveira

Orientação: Moisés Cirilo de Brito Souto

Co-Orientação: Carolyna Cibelly Fernandes de Almeida

A qualidade do ar é um fator determinante na saúde pública, e seu monitoramento é de fundamental importância para possibilitar a busca da minimização dos níveis de poluição e de impactos negativos ocasionados pela atividade humana. Face a essa necessidade, foi desenvolvido o projeto AirQ, que tem o objetivo de realizar a verificação da qualidade do ar por meio da detecção dos principais poluentes atmosféricos, de modo a ser mais acessível e a oferecer uma boa funcionalidade.

Foto da plataforma AirQ

Tal projeto pode ser implementado em indústrias, laboratórios e em outros locais que necessitem dessa operação e, somado a isso, durante a fase de elaboração, esse dispositivo realizou diversas coletas das variáveis atmosféricas de diferentes ambientes do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte – Campus Natal Central, local em que foi produzido, a fim de mostrar o seu desempenho, bem como a influência positiva do bosque e a interferência negativa da atividade antrópica na qualidade do ar no Instituto.